Categorias

Notícias em O melhor do bairro de Centro, Conselheiro Lafaiete, MG

segunda-feira, 20 de outubro de 2014
Falta d’água persiste em Lafaiete e usuários cobram providências da Copasa

A semana começa com a população de Conselheiro Lafaiete enfrentando os mesmos problemas de falta d’água reclamados ao longo dos últimos 15 dias. Entre as queixas de torneiras secas que chegam de todos os cantos da cidade, destaque para a situação no bairro Santa Maria. Geraldo Jacinto de Mendonça, residente à rua Osmar Gomes de Resende, procurou a redação do Jornal Falado Carijós para contar que sua casa e residências vizinhas não recebem há 10 dias sequer uma gota de água tratada pela Copasa.

Ele disse que os usuários, que pagam mensalmente a conta para ter direito ao recurso, estão sendo obrigados a comprar galões de água para beber, tomar banho e executar tarefas cotidianas como lavar roupas. Sempre que alguém liga para a empresa em busca de informações, a resposta é que o abastecimento começará a ser restabelecido à noite, mas os dias se sucedem e as caixas continuam vazias.

Copasa

A redação do site de notícias Fato Real continua tentando manter contato com a Copasa em busca de informações detalhadas sobre o sistema de rodízio no abastecimento que a própria companhia admitiu ter implantado na cidade para amenizar os efeitos da falta de chuva. Até agora, porém, não obtivemos sucesso.

Leia também: Copasa rompe silêncio e se posiciona quanto ao abastecimento de água em Lafaiete.‏

Fonte: Fato Real

 

sexta-feira, 17 de outubro de 2014
Homem é preso após tentar receber benefício em nome de falecido

Um homem foi preso após tentar receber um benefício do INSS em nome de uma pessoa que já havia falecido.

 

No dia 14 de outubro, policiais militares compareceram ao prédio do INSS, situado na Avenida Prefeito Telésforo Resende, onde a gerente informou que um homem de 41 anos, estaria portando vários documentos em nome de outro cidadão, dentre eles, uma carteira de identidade com uma foto em cima da outra.

O objetivo seria receber o benefício do INSS (pensão). Após consulta ao sistema, funcionários da instituição constataram um óbito ocorrido no dia 1º de outubro de 2014.

O acusado ainda assinou documentos em nome do falecido.

Ele foi preso por falsificação de documento e estelionato.

 

Fonte: Jornal Tribuna Livre

quinta-feira, 16 de outubro de 2014
Prefeitura desmente uso de água potável para lavar rodoviária

Nas últimas horas, surgiram nas redes sociais postagens acusando a prefeitura de Conselheiro Lafaiete de, apesar do período crítico de escassez do recurso, estar usando água potável na lavagem do terminal rodoviário e do túnel sob o viaduto Duartina Nogueira de Resende. Para reforçar a suposta veracidade da afirmação, os responsáveis pelas postagens anexaram imagens dos caminhões-pipa do município atuando na limpeza.

limpeza rodoviaria

O Executivo Municipal veio a público, através da primeira edição do Jornal Falado Carijós, apresentado na manhã desta quinta-feira (16/10) para esclarecer a situação. De acordo com o gerente de Meio Ambiente, Anderson Luiz Pereira, a limpeza de fato está sendo feita; porém, ao invés de água tratada, como afirmam as acusações, os espaços estão sendo higienizados com água reaproveitável: “São dois espaços públicos de vital importância e intenso tráfego de pessoas; a rodoviária é ponto de chegada e partida de passageiros com destinos diversos e a não assepsia destes locais afeta a qualidade de vida da população. Está claramente especificado nos tanques dos caminhões-pipa que a água usada não serve para o consumo humano”, assegurou o gerente.

Também ouvido pelo Jornal Falado Carijós, o secretário municipal de Obras, Túlio Dutra, informou que o município também utiliza outros dois caminhões-pipa que são abastecidos com água potável, tratada pela Copasa, para atender às comunidades de São Vicente, Mato Dentro e Buarque de Macedo, que ainda não estão ligadas à rede de saneamento da concessionária. Já os veículos que trabalham com água reaproveitável atuam na limpeza de bueiros e espaços públicos e auxiliam o Terceiro Pelotão do Corpo de Bombeiros no combate a focos de incêndio. Uma vez por semana, a faxina da rodoviária e do túnel e reforçada pelos caminhões.

Túlio Dutra informou ainda que, em razão do desabastecimento provocado pela estiagem prolongada, está em estudo a possibilidade de os caminhões-pipa da prefeitura abastecerem residências de Gagé, onde a falta d’água tem sido mais frequente. 

Nota

Ainda na manhã desta quinta-feira 16/10 a prefeitura de Conselheiro Lafaiete enviou à imprensa a seguinte nota sobre o assunto:

NotaDeEsclarecimento

Foto: Reprodução Facebook.

Fonte: Fato Real

terça-feira, 14 de outubro de 2014
Seleção mineira de vôlei treina em Lafaiete‏

O vôlei feminino está em alta em Lafaiete. A equipe local acaba de conquistar o terceiro lugar nos Jogos de Minas se mantendo entre as melhores equipes de voleibol feminino do estado, e a seleção mineira juvenil estará treinando na cidade nesta semana.

Medalha de bronze

volei f

Equipe comemorou o resultado nos Jogos de Minas

A equipe comandada pelo técnico Fabrício Santos conquistou o 3º lugar nos jogos de Minas, disputados em Varginha (MG) de 07 a 12 de outubro, ficando com a medalha de bronze.

volei bA participação da seleção de vôlei feminino de Conselheiro Lafaiete nos Jogos de Minas 2014 (antigo JIMI) teve apoio da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. A campanha do time teve início com uma vitória sobre a equipe de Lavras por 3 x 0. No segundo jogo, a equipe lafaietense mostrou garra e determinação e em um jogo disputado contra as donas da casa, venceram por 3×2, classificando em 1º lugar na chave A dos jogos. Nas quartas de final, fazendo uma excelente partida taticamente, a equipe derrotou o selecionado da cidade de Perdões, por 3 sets x 0. Na semifinal a equipe sem algumas de suas principais jogadoras, enfrentaram o Minas Tênis Clube e foi derrotado por 3×0. Já na disputa de 3º lugar, a equipe lafaietense venceu a equipe de Uberaba por 3×1. A seleção agora se prepara para a partida que vale o 3º lugar do campeonato mineiro adulto de vôlei feminino, no dia 17 de Outubro, contra a equipe de Itabirito. A final do mineiro será realizado em Uberlândia, entre as equipes do Dentil Praia Clube e Minas tênis Clube, na mesma data.

Seleção Mineira treina em Lafaiete

A Seleção Mineira Juvenil de Vôlei Feminino fará sua preparação para o Campeonato Brasileiro de Seleções em Conselheiro Lafaiete.

A presença da equipe em Lafaiete acontece devido à parceria da prefeitura municipal, através da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer e o Clube Recreativo D.Pedro II, que está viabilizando a logística de transporte para as viagens, alimentação e local dos treinos.

O gerente municipal de esportes da prefeitura de Lafaiete, Fabrício Santos integrará a comissão técnica da seleção mineira ajudando na preparação física e nos treinamentos. “A importância desta parceria se deve principalmente pelo espelho que a seleção mineira de vôlei trará para nossos jovens atletas fazendo-os sonhar com uma possibilidade futura de participar de uma equipe desse nível”, comentou.

 

Fonte: Fato Real 

 
terça-feira, 14 de outubro de 2014
Trânsito infernal coloca motoristas e pedestres em lados opostos

Otrânsito em Lafaiete sempre foi alvo de queixas e muitas denúncias. Basta observar na região central um verdadeiro caos: motoristas e pedestres ‘brigam’ por seus direitos e, na maioria das vezes, não cumprem seus deveres. De um lado, muitos condutores avançam os semáforos, param em cima das faixas e não respeitam o limite de velocidade. De outro, alguns pedestres agem de forma irresponsável, atravessando fora das faixas e arriscando a própria vida. O resultado não é nenhuma novidade, mas continua pre­o­cupando: uma bagunça infernal, que acaba provocando sérias colisões e atropelamentos.

A Reportagem do Jornal CORREIO foi às ruas e ouviu alguns leitores, que estão revoltados com tanta desordem e falta de respeito. A nutricionista Da­nielle Fernanda Paixão, 32 anos, mora no bairro Cachoeira (zona norte) e afirmou que, como motorista, observa mui­ta falta de educação dos próprios pe­des­tres. “A gente tem que parar na fai­xa para o pedestre atravessar, mas ele não espera, nem observa se o motorista está vendo. Também vejo muitas mulheres atravessando fora da faixa com seus filhos e ainda colocam as crianças do lado que o carro está vindo. Mas também vemos motoristas avançando o sinal e parando em cima da faixa. Está ficando impossível dirigir aqui em Lafaiete. Parece que tem um pessoal que só sai na rua para mostrar que tem carro. A cidade não tem estrutura para esse trânsito; seria mais uma questão de educação mesmo”, opina.

Para o estudante Gregório Ignatios Júnior, 19 anos, uma solução seria a conscientização, por meio de cursos e palestras para motoristas e pedestres. “O trânsito está caótico e as pessoas não estão respeitando as leis. Raramente vemos um pedestre esperar e atravessar na faixa, talvez pela pressa do trabalho e a correria do dia a dia. Está em risco a segurança, a vida”, ressalta. O aposentado Sebastião Carlos da Silva, 66 anos, afirmou: “Se tem a faixa, é para respeitar. Motoristas e pedestres não respeitam muito. São situações que a gente vê todos os dias”.

A dona de casa Sueli Francisca do Nascimento, 49 anos, disse que tem muita gente que não está fazendo a sua parte. “Saio de carro e a gente tem que ficar desviando dos pedestres, que não andam no passeio. A avenida Telésforo, aos fins de semana, virou um comércio de álcool. Outro dia meu marido foi desviar de um carro que vinha em alta velocidade, veio outro e esbarrou em nosso carro. Eles estavam provavelmente disputando pega. Fomos atrás dele para cobrar o prejuízo e só o alcançamos na travessia da Barreira. Está­vamos com duas crianças no carro. Se continuar assim, ainda vai acontecer uma tragédia”, lamentou.

 

Fonte: Jornal Correio da Cidade

1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | Próximo >