Categorias

História - O melhor do bairro de Santa Felicidade, Curitiba, PR

 

 

Santa Felicidade é um bairro classe média-alta da região noroeste da cidade de Curitiba.
O bairro é um antigo caminho dos tropeiros paulistas que iam em direção ao sul.

Em sua formação histórica, recebeu um grande número de colonos vindos do norte da Itália, especialmente das regiões de Vêneto e Trento.

Atualmente é um importante reduto gastronômico, com grande quantidade de restaurantes de cozinha italiana, além de ter muitas vinícolas e lojas de artesanato.

O nome do bairro é uma homenagem a uma antiga proprietária de terras da região no século XIX, a portuguesa Felicidade Borges.

Os dois principais eixos viários do bairro são a Avenida Manoel Ribas e a Via Vêneto, nas quais respectivamente se encontram os tradicionais restaurantes e o terminal de ônibus e a Rua da Cidadania do bairro.

Em Santa Felicidade está localizado o maior restaurante da América Latina, o restaurante Madalosso. Abriga os times amadores de futebol: Trieste, Iguaçu e Flamengo.


 

 

Imigrantes italianos junto à igreja São José, em Santa Felicidade, em 1891, ano de inauguração da Igreja. Arcadas em estilo neo-românico


  A partir de 1878 a região   foi povoada por quinze famílias vindas da província de Vicenza, região do Vêneto e Trento, no norte da Itália.
  Os imigrantes, que na maioria eram comerciantes, operários, lavradores, artesãos e profissionais especializados, desembarcaram primeiramente no Porto de Paranaguá com o objetivo de ficar no litoral.
      O forte calor, a pobreza da terra e as doenças da região foram fatores que fizeram os italianos migrarem para Curitiba.
Igreja de São José  em  2008
 

Os imigrantes que ficaram no bairro de Taquaral conheceram uma senhora chamada Felicidade Borges, portuguesa, cuja família era proprietária de terras na região. Essa senhora financiou parte de suas terras para os imigrantes italianos, que a dividiram em 15 lotes.
   Com toda a consideração que os imigrantes tinham pela senhora, decidiram colocar seu nome no local, adicionando a palavra “Santa”, surgindo assim o nome do bairro mais italiano de Curitiba:

Santa Felicidade

Vinícula Durigan 1873

    Em 1916 é criado o Distrito Judiciário, tendo como limites: a leste, o rio Barigui; a oeste, o rio Passaúna; ao norte, as estradas do Taboão e do Juruquy e, ao sul, as Colônias Órleans e Santo Inácio.

  Nos séculos 18 e 19, Santa Felicidade era um caminho de passagem de tropeiros. A parada das tropas para repouso e alimentação iniciou a tradição gastronômica do bairro.
   A fama da comida italiana porém, só começou no ano de 1954, com o aumento do fluxo de caminhões que cruzavam o bairro para outros destinos. Os caminhoneiros que paravam na COLÔNIA para suas refeições motivaram os imigrantes residentes na região a abrirem restaurantes.
   Com o passar do tempo, vários restaurantes italianos já haviam se estabelecido e a região começou a ser reconhecida pela gastronomia, tradição preservada até hoje pelos pratos típicos que encantam os clientes e turistas que visitam a região.

fonte: Wikipédia

Grupo Folclórico na

preparação da Polenta.

Nos aspectos gastronômicos, a polenta foi um dos grandes elementos culturais trazidos pelos imigrantes, já que está presente em toda a história. verificou que o hábito de comer polenta perpetua os valores da cultura italiana entre os descendentes dos imigrantes. O orgulho e a cultura étnicos são as bases encontradas como resultado no destino gastronômico de Santa Felicidade.

Muitas casas até hoje conservam  o aspécto do tempo de Colônia, sendo que a Casa Culpi se transformou num museu, aonde mantem além da fachada original muitas peças históricas.


 

Dados


Área 12,27 km²
População 25.209 hab.
Densidade 20,54 hab/km²

Bairros Limítrofes

Butiatuvinha, Cascatinha, Lamenha Pequena, Santo Inácio, São Brás e São João.

Principais Vias

Avenida Manoel Ribas
Avenida Vereador Toaldo Túlio
Avenida Napoleão Manosso
Avenida Dr. Eugênio Bertolli
Avenida Fredolin Wolf
Avenida Nicolau José Gravina
Rua Via Veneto
Rua José Risseto
Rua Professor Francisco Zardo
Rua Francisco Dallalibera
Rua Ângelo Domingos Durigan
Rua Antônio Escorsin
Rua Saturnino Miranda
Rua José Valle
Rua João Azolin

Pontos de referência

Restaurante Madalosso
Bosque Italiano
Terminal Santa Felicidade
Rua da Cidadania
Casa Culpi

  

Casa dos Gerânios (1900) - Avenida Manoel Ribas

Casa Culpi (1897) - Avenida Manoel Ribas 8450 - Butiatuvinha

    Equipamentos usados por imigrantes italianos, em exposição na Casa Culpi, Santa Felicidade.

 

Casa dos Arcos  - Avenida Manoel Ribas
atualmente funciona um Restaurante com o mesmo nome.

 

Um Pouco de Humor Curitibano