Alterar Região
Categorias

Notícias em O melhor do bairro de Ribeirão Preto, Ribeirão Preto, SP

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015
Prefeitura abre licitações para execução de várias grandes obras em Ribeirão Preto

Prefeitura abre licitações para execução das obras do PAC

A data para abertura dos envelopes será 19 de fevereiro


Corredores estruturais

A Prefeitura de Ribeirão Preto publicou nesta sexta-feira, dia 23, no Diário Oficial do Município, dois avisos de licitação em regime diferenciado de contratação para execução das obras do PAC II da mobilidade.

As licitações com abertura dos envelopes marcada para o dia 19 de fevereiro serão para as obras dos corredores estruturais norte-sul e leste-oeste.

No total, as obras estão divididas em três licitações, uma para o corredor estrutural norte-sul, orçado em R$ 153,7 milhões; a outra para o corredor estrutural leste-oeste no valor de R$ 100,6 milhões; e a terceira no valor de R$ 24,3 milhões para elaboração e substituição de toda a sinalização ao longo dos corredores estruturais.


Vias do Centro que serão reurbanizadas

Os corredores estruturais que integram as obras de mobilidade em Ribeirão Preto trarão mais velocidade e melhor desempenho ao transporte urbano, além de mais conforto aos usuários de ônibus.

Serão 56 quilômetros de corredores estruturais sendo quatro eixos, Norte/Sul 1 e 2, Leste/Oeste 1 e 2, operados com ônibus tipo padron.

No corredor Norte/Sul 1 o trajeto será avenida Mugnatto Marincek, avenida Thomaz Alberto Whately, aeroporto, avenida Brasil, avenida Saudade, Centro, rodoviária, avenida Independência, avenida Presidente Vargas, RibeirãoShopping e Unip.

No corredor estrutural Norte/Sul 2 o trajeto será: avenida Brasil, avenida Mogiana, avenida Paschoal Inecchi, avenida Meira Júnior, avenida Independência, Unip e RibeirãoShopping.

O corredor Leste/Oeste 1 sairá da região do bairro José Sampaio, na rotatória da avenida Luiz Galvão César com Otávio Golfeto, avenida D. Pedro, Amim Calil, avenida Jerônimo Gonçalves, rodoviária, praça das Bandeiras, Visconde de Inhaúma, avenida Nove de Julho, avenida Costábile Romano, Novo Shopping, avenida Presidente Kennedy, rotatória Wiston Churchil.

E o corredor Leste/Oeste 2 sairá do Novo Shopping, avenida Castelo Branco, rua Henrique Dumont, avenida Treze de Maio, avenida Capitão Salomão, avenida Saudade, rodoviária, avenida Café, rotatória da USP e Hospital das Clínicas.


Corredores estruturais Norte/Sul

Os corredores estruturais serão dotados de toda a infraestrutura necessária, como por exemplo, pavimento em concreto no ponto de parada, recapeamento, tratamento das valetas, reposicionamento dos locais de embarque e desembarque, implantação de abrigos padronizados, padronização do piso da calçada no local do abrigo, implantação de painel de informação com relação de linhas e horários de passagem previstos e mapa dos arredores.

Além dos corredores estruturais, a cidade contará com as seguintes obras viárias:

- Viaduto avenida Brasil / avenida Thomaz Alberto Whately

- Viaduto avenida Brasil / avenida Mogiana

- Trincheira avenida Independência / avenida Presidente Vargas

- Ponte avenida Antônia Mugnatto Marincek

- Viaduto avenida Maria de Jesus Condeixa / avenida Antônio Diederichsen

- Trincheira avenida Antônio Diederichsen / avenida Presidente Vargas

- Adequação Viária avenida Nove de Julho / avenida Portugal

- Viaduto avenida Jerônimo Gonçalves / avenida Francisco Junqueira

- Ponte avenida Francisco Junqueira / rua José Bonifácio

- Ponte avenida Francisco Junqueira / rua Visconde de Inhaúma

- Ponte avenida Francisco Junqueira / rua Barão do Amazonas

- Passarela Rodoviária / Mercado Municipal

- Ciclovias

Os editais podem ser retirados no Departamento de Materiais e Licitações, Divisão de Compras, no Jardim Mosteiro, na via São Bento, s/nº, das 8h às 17h, gratuitamente.

 

sexta-feira, 09 de janeiro de 2015
Tesouro Nacional aprova projeto do PMAT para Ribeirão Preto

Tesouro Nacional aprova projeto do PMAT para Ribeirão Preto

Liberação de recursos será por parte do BNDES

Foto JF Pimenta

No projeto está prevista a implantação de fibra ótica em todas as regiões da cidade, a modernização de equipamentos e da frota de veículos, entre outros aspectos

O Tesouro Nacional autorizou a liberação de recursos por parte do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para o projeto do PMAT (Programa de Modernização da Administração Tributária e Gestão dos Setores Sociais Básicos) apresentado pela Prefeitura de Ribeirão Preto. O valor do financiamento do BNDES será de R$ 47,7 milhões.

A liberação dos recursos do PMAT será em duas etapas. Na primeira, neste ano, serão liberados R$ 25 milhões, e na segunda, em 2016, serão R$ 22,7 milhões. Estes recursos serão utilizados pelo município para a modernização da máquina pública e na melhoria de gestão da administração.

No projeto está prevista a implantação de fibra ótica em todas as regiões da cidade, a modernização de equipamentos e da frota de veículos, entre outros aspectos. “A liberação destes recursos pelo BNDES são fundamentais para a melhoria da máquina pública”, explicou a prefeita Dárcy Vera.

Para o secretário da Fazenda, Francisco Sérgio Nalini, toda a infraestrutura que existe hoje na Secretaria é fruto de um outro Pmat realizado em 2001. “Nós vamos modernizar toda a infraestrutura e melhorar a qualidade do serviço prestado”, disse Nalini.

 

sexta-feira, 02 de janeiro de 2015
Ribeirão Preto está entre as 15 cidades com PIB maior que muitas capitais

Ribeirão Preto está entre as 15 cidades com PIB maior que muitas capitais

Atualmente conhecida como a “Capital Brasileira do Agronegócio”, a cidade figura como uma das mais importantes do interior de São Paulo

Foto: JF Pimenta

Ribeirão Preto está entre as 15 cidades não-capitais com maior PIB do país

Ribeirão Preto está entre as 15 cidades brasileiras, sem ser capital, com os maiores PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil. O ranking, do IBGE, referente ao ano de 2012, mostra que a cidade, com um PIB de 20,3 bilhões, está à frente de capitais como Maceió, Campo Grande,  Natal, Cuiabá e Florianópolis. No país, a cidade ocupa a 28ª posição no ranking. Esse resultado mostra, ainda, que o crescimento do PIB foi de 10% em relação ao ano de 2011.

A importância de Ribeirão Preto no cenário econômico e de outras cidades não-capitais, a maioria localizada no Estado de São Paulo, foi destacada na Revista Exame sob o título “Economia de Gente Grande”.

Atualmente conhecida como a “Capital Brasileira do Agronegócio”, a cidade figura como uma das mais importantes do interior de São Paulo. Com a perspectiva de crescimento do PIB do agronegócio em 2,8% para 2015, a população espera um novo ano de boas notícias.

Para a prefeita de Ribeirão Preto, Dárcy Vera, o fato de que desde 1999 essa foi a menor participação das capitais no PIB nacional, mostra que os governos, no âmbito estadual e federal, devem olhar as cidades do interior sob uma nova ótica e garantir investimentos nos setores com maior percentual de desenvolvimento.

Polo de uma região administrativa com 3 milhões de habitantes, essa relevância no cenário econômico se dá sobretudo pelo setor de prestação de serviços, que impulsiona a economia da cidade. Outro importante indicador da atividade econômica da cidade é o setor de imóveis, responsável por grande percentual da geração de emprego e renda.

 

terça-feira, 23 de dezembro de 2014
Durante inauguração de Complexo Viário, governador atende solicitação da prefeita e confirma renovação de contrato da ciclofaixa

Durante inauguração de Complexo Viário, governador atende solicitação da prefeita e confirma renovação de contrato da ciclofaixa

Durante discurso de inauguração do Trevão, Dárcy Vera também reiterou solicitação de implantação do Bom Prato no HC e mais segurança

Foto: JF Pimenta

Em discurso, Dárcy solicita ao governador Geraldo Alckmin renovação de contrato para a ciclofaixa, instalação do “Bom Prato” no HC, investimentos na segurança da cidade e agilidade na instalação da Fatec em Ribeirão

Durante a solenidade de inauguração de um dos maiores complexos viários da América Latina, o trevo principal de acesso a Ribeirão Preto, “Waldo Adalberto da Silveira”, a prefeita de Ribeirão Dárcy Vera, durante seu discurso, solicitou ao governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, a renovação do contrato que dá continuidade ao projeto da ciclofaixa.

Foto: Carlos Natal

O trabalhador Rafael Cândido entrega à prefeita o monumento que simboliza a remodelação do “Trevão”

Mais de cinco mil pessoas se beneficiam deste projeto. Ele deve continuar”, disse a prefeita a Geraldo Alckmin, que se comprometeu a renovar a parceria em janeiro de 2015.

Fotos: JF Pimenta

Na oportunidade, Dárcy Vera também cobrou a implantação do “Bom Prato” no HC, no campus da USP de Ribeirão, e também lembrou da necessidade de mais investimentos do Governo do Estado na segurança da cidade. “Parabenizo o Governo do Estado pela obra, que sempre foi uma das maiores reivindicações da região, assim como a construção do viaduto da Henry Nestlé, que atende hoje mais de 100 mil pessoas, porém insisto em solicitar um “Bom Prato” para atender pessoas que passam por lá e precisam de uma boa refeição para aguardar atendimento médico”, ressaltou.

Logo após, o governador Geraldo Alckmin anunciou também a construção da Fatec em Ribeirão e falou sobre a importância econômica de Ribeirão Preto para o Estado de São Paulo. “Uma das regiões mais ricas do País, reconhecida pelo setor de agronegócios, agora conta com um dos maiores complexos viários do Estado de São Paulo e até o final do ano também contará com uma Fatec”, destacou.


Passarela para pedestres possui 450 metros de extensão e também é adaptada com rampas para portadores de necessidades especiais

Após o discurso de solenidade, em que autoridades como os deputados estaduais Baleia Rossi, Welson Gasparini, Rafael Silva, o deputado federal Duarte Nogueira Jr. e prefeitos da região participaram, foi realizado o descerramento da placa inaugural da obra que compreende 11,8 Km de extensão do trevo principal de acesso a Ribeirão Preto, “Waldo Adalberto da Silveira”, oito viadutos com extensão de 630m, 20 alças de acesso e retorno e uma passarela com 450m, que permitirá a travessia de pedestres e ciclistas, atendendo a normas de acessibilidade e adequação da malha viária urbana.

Foto: Carlos Natal

Prefeita participa do descerramento da obra, que é considerada um dos maiores complexos viários do Estado de São Paulo ao lado do deputado Baleia Rossi e o governador Geraldo Alckmin 

A obra - Principal acesso a Ribeirão Preto, o trevo denominado “Waldo Adalberto da Silveira”, está localizado no quilômetro 307 da Via Anhanguera (SP-330). Na verdade era uma rotatória de 420 metros de diâmetro, construída em 1972.

As obras compreenderam três etapas. A 1ª etapa foi entregue no mês de junho de 2014 e contemplou a ligação (ida e volta) em pista dupla da Avenida Castelo Branco com a Rodovia SP 333 - Abrão Assed, para Serrana.

A 2ª etapa foi entregue em setembro de 2014 e fez a ligação da Pista Sul da Rodovia Anhanguera, que liga Ribeirão Preto a São Paulo, com o prolongamento do Anel Viário Sul (que passa atrás do Novo Shopping interligando com a SP 225, sentido Araraquara/São Carlos).

A 3ª etapa, entregue nesta segunda-feira, dia 22 de dezembro, compreende as últimas ligações da Rodovia Anhanguera.

Também faz parte desta 3ª fase a entrega da passarela para pedestres, com 440 metros de extensão e também adaptada com rampas para portadores de necessidades especiais.

Foto: JF Pimenta

O ciclista Thiago Nardim parabeniza a prefeita Dárcy Vera pela conquista da renovação do contrato da ciclofaixa

 

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014
Novo leilão de veículos acontece no próximo dia 16

Novo leilão de veículos acontece no próximo dia 16

Farão parte do leilão, que é de responsabilidade da 15ª Ciretran, 731 veículos

Foto: Carlos Natal

A visitação aos veículos continua sendo no pátio da Transerp

Um novo leilão de veículos apreendidos será realizado na próxima terça-feira, dia 16, a partir das 11h. O leilão acontecerá por intermédio de telão, instalado na rua Francisca Massaro Farinha, 385, no bairro Ribeirânia.

A visitação aos veículos continua sendo na sede da Transerp, empresa que gerencia o trânsito e o transporte urbano de Ribeirão Preto, localizada na rua General Câmara, 2.910.

Os interessados no leilão poderão conferir os veículos no pátio da Transerp na próxima segunda-feira, dia 15, das 9h às 11h e das 14h às 17h.

O leilão terá início, no bairro Ribeirânia, às 11h e os interessados deverão estar presentes.

Farão parte do leilão, que é de responsabilidade da 15ª Ciretran (Circunscrição Regional de Trânsito de Ribeirão Preto), 731 veículos, sendo 190 automóveis, entre eles 26 com direito a documentação e 541 motocicletas, sendo 28 com direito à documentação.

Quem pode participar - Pessoas físicas podem participar apenas dos leilões de veículos com direito a documentação. Basta ser maior de idade e comparecer ao local do evento com documento de identificação.

Empresas interessadas em adquirir sucatas e peças para desmonte e/ou reciclagem devem se cadastrar junto ao Detran -SP e comprovar que possuem condições de efetuar todos os procedimentos necessários após o arremate, como por exemplo equipamentos adequados para desmontar e descontaminar os veículos (retirada de combustível, óleo do motor e do freio, baterias), evitando a contaminação do solo.

 

1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | Próximo >