Notícias em O melhor do bairro de Cajazeiras, Salvador, BA

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Contabilidade especializada no ramo da construção chega a Salvador

Auxiliar indústrias e comércios da construção civil na operacionalização das informações tributárias, fiscais e trabalhistas é o objetivo do empresário contábil Alex Moreira, que está inaugurando em Cajazeiras a 32ª unidade da NTW Contabilidade e Gestão Empresarial.

Com MBA em Planejamento Tributário e experiência em escritórios contábeis e de auditoria, Moreira foi buscar no meio acadêmico soluções capazes de diminuir ao máximo o prejuízo das empresas deste segmento no controle dos estoques.

“Esse nicho tem algumas necessidades específicas, principalmente na área tributária estadual, com boa parte da perda de faturamento ocorrendo por problemas de estoque. Meu trabalho de conclusão de curso foi sobre levantamento de estoque e vou ajudar esses empreendimentos a não terem perda tão grande de faturamento”, destaca Moreira.

Para isso,  o empreendedor pretende também investir em palestras e na participação em eventos, a fim de explicar as principais mudanças trazidas pelo Bloco K do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) – que traz mudanças importantes no registro e controle de estoque – e como se adequar para cumpri-las integralmente.

A escolha pela NTW, segundo ele, se deu justamente pelo fato de a empresa oferecer os subsídios necessários para atuar diretamente na gestão das empresas, com um sistema de trabalho que vem se mostrando bem-sucedido em 14 estados diferentes do País.

“Principalmente na região em que estou atuando, a contabilidade com foco na gestão empresarial é um serviço diferenciado, oferecido por poucos escritórios contábeis”, afirma Moreira.

Para o diretor executivo da NTW, Ricardo Aguiar, a chegada da segunda franquia da rede em Salvador é mais um passo importante na consolidação da marca no Nordeste e mostra o grande potencial dessa região para a implantação de uma contabilidade mais moderna e condizente com os inúmeros desafios impostos pelo fisco eletrônico.

“A tecnologia tem colocado a fiscalização cada vez mais dentro das empresas e agilizando a informação das movimentações fiscais, trabalhistas e tributárias, o que provocou uma mudança importante no perfil do escritório contábil. É a partir do amadurecimento dessa nova visão empresarial que temos ampliado nosso campo de ação nos últimos anos”, explica Aguiar.

ntw-contabilidade-em-cajazeiras

quarta-feira, 09 de dezembro de 2015

Um Absurdo! Pedido para último teste de vacina da dengue está parado há 8 meses

vacina-contra-a-dengue
Oito meses depois de o Instituto Butantan pedir autorização para avançar à última fase de testes da vacina contra a dengue, ainda não há uma data definida para essa etapa da pesquisa ocorrer. A solicitação foi feita à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em 10 de abril. O objetivo era ter o aval para a fase 3 da pesquisa clínica, etapa em que será analisada a eficácia do produto contra os quatro sorotipos do vírus da dengue.
 
Na época, o instituto ainda não havia completado a segunda fase de estudos, mas o avanço da doença ­que chegou a 1,5 milhão de casos no país neste anofez com que o governo de São Paulo pedisse para que a pesquisa fosse agilizada.
Inicialmente, a ideia era que os testes começassem ainda na metade deste ano, com 17 mil voluntários. Disso depende a entrada da vacina no mercado, atualmente sem previsão para ocorrer.
Até agora, porém, o instituto não conseguiu obter o aval da Anvisa, a quem cabe a regulação do processo.
Segundo o presidente da agência, Jarbas Barbosa, faltaram informações nos documentos enviados à equipe técnica. Entre elas, diz, estavam dados sobre segurança. "É injusta qualquer suspeita de demora", diz. "Como o estudo [da fase 2] não estava finalizado, tivemos que pedir várias informações iniciais, até para acelerar".
Agora, enquanto o Butantan diz que a expectativa é iniciar os testes até o fim deste ano, a Anvisa evita dar prazos e diz que o aval depende da análise de novos documentos recebidos nesta terça (8).
Caso faltem informações, a agência poderá fazer novas exigências.
De acordo com o Butantan, a última fase da pesquisa será realizada no Hospital das Clínicas, em São Paulo, e em outros 13 grandes cidades do país. Os nomes delas não foram divulgados.
Agentes do programa Saúde da Família, vinculado às unidades básicas de saúde, devem ajudar no recrutamento de voluntários.
"Nosso objetivo era trazer o estudo o mais próximo possível da realidade de vacinação do país", afirma o diretor de ensaios clínicos e farmacovigilância do Butantan, Alexander Precioso.
Ele estima que a vacinação de todos os 17 mil voluntários leve até um ano.
Além de adultos, também serão vacinados adolescentes e crianças com ou sem histórico de infecção anterior pelo vírus da dengue. Em seguida, é feita a coleta de exames para acompanhamento.
Segundo Precioso, a chegada do verão, quando há aumento na proliferação do mosquito Aedes aegypti e de casos de dengue, não deve trazer prejuízo aos testes.
"É fundamental que exista o vírus circulando para mostrarmos que há resposta imunológica", diz.
Além da imunização produzida pelo Butantan, uma outra vacina contra a dengue, já pronta e feita pela multinacional francesa Sanofi Pasteur, aguarda aval da Anvisa.
Nesse caso, o pedido foi protocolado em 30 de março. Mas os baixos índices de eficiência do produto para alguns dos quatro tipos de vírus têm gerado impasse entre especialistas do setor.
A média de eficácia da vacina é de 65,5%, de acordo com a empresa. Outro problema é a falta de proteção para menores de 9 anos e idosos, grupos mais vulneráveis.
Sheila Homsani, diretora­médica da Sanofi, argumenta que o produto é mais eficaz para quem já teve algum tipo de dengue. "A memória imunológica faz aumentar a produção de anticorpos para proteção", afirma.  Segundo Jarbas Barbosa, da Anvisa, a previsão é que a análise da imunização da Sanofi seja finalizada no primeiro semestre de 2016.
 
 
Fonte: Folha Uol

 

sábado, 28 de novembro de 2015

Novo Mercado Municipal de Cajazeiras é inaugurado pela prefeitura em Salvador

 

 

 

 

Mercado-municipal-de-CajazeirasO novo Mercado Municipal de Cajazeiras, que irá funcionar no bairro de Cajazeiras X, foi inaugurado na manhã deste sábado (28), em Salvador. Segundo informações da prefeitura, a estrutura vai proporcionar mais conforto para comerciantes e consumidores.

O projeto do mercado foi desenvolvido pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) em uma área de aproximadamente 4 mil m². O local será administrado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop). A estrutura com 133 boxes, 80 deles exclusivos para feirantes, dispostos em dois pavimentos. Os demais estão divididos em atividades como açougue, frios, restaurantes, floricultura, barbearia e serviços. A estrutura conta também com 69 vagas de estacionamento Zona Azul.

Fonte: Metro1

quinta-feira, 05 de novembro de 2015

ACM Neto assina ordens de serviço para construção de escolas em Cajazeiras

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O prefeito ACM Neto (DEM) assinou nesta quinta-feira (5), durante cerimônias realizadas na região de Cajazeiras, as ordens de serviço para a construção da quarta e quinta unidades do projeto Creche e Pré-escola Primeiro Passo. De acordo com a prefeitura, a previsão é de que as escolas sejam entregues em 2016. As unidades ficarão em Cajazeiras X (Rua Apolônio Sales) e Cajazeiras VIII (Rua Demétrio Oliveira).

"Essas construções dão sequên

cia a uma obrigação nossa e uma conquista das comunidades. É a representação de uma mudança de vida das crianças, que terão acesso à educação desde cedo com toda a estrutura necessária, e de suas famílias, pois os pais terão onde deixar seus filhos para trabalhar", afirmou o secretário municipal de Educação, Guilherme Bellintani, que também esteve presente na cerimônia.

O prefeito falou sobre a iniciativa da gestão municipal em realizar investimentos na área da educação municipal. "As crianças são a razão do nosso trabalho. A falta de vagas na educação infantil traz duas consequências sérias para a população, que são o impedimento de pais e mães de trabalharem por não terem onde deixar os filhos, e o início tardio do contato das crianças com a escola, o que contribui para o atraso no aprendizado", declarou Neto.

sexta-feira, 09 de outubro de 2015

Previsão de inauguração do Shopping Cajazeiras em 11 de Novembro

Construído pela Consil, o Shopping Cajazeiras  - primeiro da região - tem previsão de inauguração para 11 de novembro deste ano. Com realização da América Mall , cerca de R$ 40 milhões já foram investidos no projeto de construção do shopping.  “As obras estão aceleradas.Temos a certeza de que o shopping, inédito no bairro, irá valorizar bastante a região”, destacou César Mesquita, diretor de obras da Consil, responsável pela obra.Shopping cajazeiras

Instalado na Estrada do Coqueiro Grande próximo ao SAC,  o empreendimento  terá 110 lojas, complexo de cinema, praça de alimentação, mall climatizado, escadas rolantes e elevadores. Banco do Nordeste, Banco BMG, Correios, Burger King, Cacau Show, Bebelu Sanduiches, Óticas Carol, A Fórmula e Zip Náutica são algumas marcas já confirmadas para o centro de compras. 

1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | Próximo >

 

Teste